<<voltar

Gustavo Lima é o novo campeão de Portugal Absoluto

Prova renhida nos Jogos do Centenário

O estreante, Gustavo Lima e o tetracampeão de Portugal, Álvaro Marinho, travaram entre si renhida luta pelo título.

O estreante, Gustavo Lima, na final olímpica do Match Racing, em Oeiras, frente ao tetracampeão de Portugal, Álvaro Marinho, depois de terem batido, nas meias-finais, Manuel Marques e Rui Bóia, travaram entre si renhida luta pelo título.

 

Álvaro Marinho fez 1-0, mas Gustavo Lima venceu o segundo “match” e na finalíssima, com José Costa, David Abecassis e Frederico Campos na tripulação, operou uma recuperação surpreendente, que valeu o título de campeão de Portugal.


Este evento, organizado pela Federação Portuguesa de Vela, em parceria com a Associação Regional de Vela do Centro e a Associação Desportiva de Oeiras, e com o apoio da Fidelidade Mundial, insere-se no programa dos Jogos do Centenário da República.


Gustavo Lima não escondia a sua surpresa pela vitória alcançada: “Foi um fim-de-semana atípico em que acabámos por ter também sorte de principiante. Sou profissional, sei aproveitar as oportunidades e esta é uma sensação muito especial porque tive a estrelinha que me faltou em Pequim para chegar a uma medalha”.


Já Álvaro Marinho estava conformado: “Não estou desiludido porque a minha equipa é claramente melhor, mas julgo que a sorte hoje não bateu à nossa porta. Estou contente porque encontrei na final um velejador que me acompanha desde a infância”.


Na luta pelos 3º e 4º lugares, Manuel Marques venceu Rui Bóia, por 2-1.

 

Guita Júnior